12/12

Como criar um blog?

blog1

Ok, antes de tudo, posso dizer que fiquei olhando pra tela do computador, umas duas horas antes de conseguir escrever alguma coisa aqui, resolvi fazer esse post à pedido de uma leitora super fofa que queria tirar algumas dúvidas, e acabou me dando a ideia de postar aqui pra vocês sobre processo da criação da aparência do blog e tudo mais. Então, como eu sou uma menina muito legal, resolvi colocar mais uns tópicos na nossa pauta e fazer com que vocês entendam o processo “Como criar um blog” e todas as etapas que eu passei até chegar aqui.

Já vou avisando, meu blog não é famoso, mas acho que algumas das minhas dicas vão ser super úteis pra quem não tem blog e tem vontade de criar um, mas também não sabe por onde começar e também pra quem já tem blog mas quer aprender um pouquinho mais sobre layouts, redes sociais e outras coisas.

O Começo

O começo é sempre a parte mais complicada em qualquer projeto, eu mesma já criei 2 blogs antes desse que não deram certo e que de alguma forma fez com que eu percebesse o erro que estava cometendo bem rápido. Antes do Jaqueline Lima eu tinha o Garota x Mulher, que de alguma maneira tinha muitos seguidores e pessoas que realmente gostavam do meu trabalho por lá. Mas como vocês já sabem, eu cresci um pouquinho e quis criar um espaço totalmente novo com a minha carinha. Antes de criar o G x M eu gostava de visitar blogs de maquiagem e moda e looks do dia, então, um certo dia eu simplesmente criei um blog pra falar sobre esses assuntos, mas ele não durou nem uma semana, sério. O porquê disso? Descobri que o que me faz  feliz antes de tudo é ver minhas fotografias espalhadas pelo meu cantinho e também que gosto de falar sobre mim, quando eu comecei a falar sobre maquiagem e moda, eu sentia que eu não queria estar falando apenas de outras pessoas, mas de mim também.

Então, criei o Garota x Mulher já com o intuito de falar sobre mim e o blog virou um “blog pessoal”. A primeira coisa que você precisa saber é isso, qual o assunto em que você se diferencia, se destaca? Você gosta de falar de famosos ou curte muito nail art? Invista no que você gosta e pense em qual categoria seu blog pode estar.   A melhor maneira de um blog fazer sucesso mais rápido é focando em um assunto em que você tenha conhecimento, não adianta você querer colocar mil assuntos pra falar, assim você não conseguirá um público fiel tão rápido.

Faça a Diferença!

Claro que mesmo você focando em assuntos que curte, você precisa fazer com que seu blog se destaque na multidão. Existem milhares de blogs espalhados por aí, e centenas vão falar dos mesmos assuntos que você. A dica pra isso é apostar em novidades, tudo o que os outros trocentos blogs não estão falando. Pense que o blog é você e dê a sua personalidade à ele, ser original é com certeza sinônimo de sucesso.

Aqui no blog eu sempre aposto em fotos minhas nos posts e como eu trabalho com fotografia vez ou outra publico algumas fotos de ensaios fotográficos que faço e tento ajudar ao máximo as meninas que curtem fotografia tanto quanto eu.

Criando o nome do Blog

Já sabe que assuntos vai tratar no seu blog? E o que vai fazer de diferente nele? Agora vamos criar o nome para o seu blog. O Garota x Mulher nasceu em uma fase que eu considerei que os meus pensamentos de menina estavam começando a se confundir com os de mulher, eu estava amadurecendo, por isso o nome do blog. Já o Jaqueline Lima veio exatamente na minha fase mulher, quis dar o meu nome ao meu cantinho.

Eu acho legal as pessoas darem nomes que tem à ver com elas mesmas, eu fiz isso com o nome do meu. Posso dizer que um blog com um nome em inglês é um pouco mais difícil de decorar, mas claro que não impede que seu blog faça sucesso. Procure por palavras menos complicadas e não repita  muitas letras na hora de colocar o nome como “www.blogdakhatiiizinha.blogspot.com ” por simplesmente não ter uma URL desocupada. Pense em um nome que seja mais fácil de ser encontrado, criatividade é tudo!

Plataforma

Atualmente eu uso a plataforma WordPress (paga), na época do Garota x Mulher usava o Blogger e não tenho nada à reclamar dele. Como eu queria investir na qualidade e profissionalismo no blog, optei por trocar pelo WordPress que é mais profissional (mas também um pouquinho mais complicado de mexer). Mas também tem a questão de que o Blogger é gratuito e o WordPress não e que quando os números vão crescendo muito, a plataforma do blogger pode não aguentar. Mas isso é um assunto que você precisa se preocupar só mais lá na frente, ok? Até porque quando as estatísticas do seu blog estiverem muito grandes, você já terá que contratar serviços de hospedagem que precisa ser paga todo mês.

Domínio

Comprei o domínio do meu blog um pouco antes de retornar com o Jaqueline Lima. Como eu já estava acostumada com o meu antigo blog com o “.com” é bem mais complicado voltar a postar com wordpress.com.

Quantos blogs famosos você conhece que terminam com blogspot.com.br ou wordpress.com? Pois é, foi como eu imaginei. Pouquíssimos blogs fazem sucesso com esse endereço enorme, já que é bem difícil de memorizar.

O meu domínio comprei na Uolhost e paguei R$ 14,90 para usar durante um ano, depois desse ano, você paga novamente o valor do domínio e assim em todos os outros anos (pode variar um pouco no preço no ano seguinte). Foi bem baratinho e o blog ainda ficou com uma carinha mais profissional, sabe? Se você quer ter um blog de sucesso e bem visitado, investir uma graninha extra por ano é uma boa.

Layout

Sempre recebo e-mails de meninas me perguntando sobre o layout do blog, se foi eu quem fiz, como eu fiz e  etc. Quando criei o blog eu queria um layout personalizado mas não sabia nada de HTML e também não tinha dinheiro pra pagar um designer. A solução foi pesquisar muito em blogs com dicas de HTML e aprender o que dava pra aprender, lembro que depois que comecei a fazer isso, mudava de layout umas 5 vezes por mês (à propósito , isso não é muito bom, você tem que achar algo que te descreva, e descreva o assunto do blog, mas se ficar mudando sempre os leitores além de ficarem super confusos, poderão não voltar mais a visitar) e usava as bases do Difluir. Também indico pra quem não tem condições de pagar um web designer, blogs que tem layouts free que você pode usar: Julie de Batom e Evelyn’s Place.

Se você não sabe mexer em nada disso, sugiro que contrate um webdesigner, recomendo : João Francavilla, Cor Seletiva e Ana Paula.

Ahh, o meu layout que está no ar , foi o João quem fez! E a ilustração foi a Alana Prado, linda né?

Jaqueline
Oi, eu sou a Jaqueline, mas pode me chamar de Jaque! Tenho 22 anos, sou formada em Administração de Empresas, apaixonada por livros e a louca da fotografia.Adoro dias frios, seriados (♥) e a combinação dos dois também. É aqui que compartilho meus sonhos, minhas alegrias e minhas incertezas. Esse é meu mundo na internet, espero que goste!
1000 coisas que todo mundo deveria fazer
Como criar suas próprias actions?
Fotografando nas férias


 

  • Muito bom esse post, no início é bem complicado mesmo, a gente se enrola pra caramba!!
    Mas você foi bem clara adorei.
    Beijos.
    http://www.antenantenada.com

  • Oláa!

    Sou iniciante e foram essas dúvidas que me fizeram demorar pra criar coragem, acho que você vai ajudar muitas sim!!

    Beijão

    • Ain, que feliz que eu fiquei por poder te ajudar!

      Beijinho

  • Oi, oi. Adorei seu blog, achei muito inspirador e um pouquinho parecido comigo, vou continuar acompanhando suas postagens.

    Quero iniciar meu blog, mas ainda não decidi por onde começar. Blogger ou WordPress? Quero investir muito no meu blog, gosto muito de escrever e quero fazer isso pelo blog. Poderia me ajudar a decidir, rs.

    • Oi Lua! Tudo bem?

      Fiquei muito feliz por você ter gostado do meu cantinho.

      Então, como eu disse ali em cima, comecei o blog lá no blogger e de início adorei e supriu minhas necessidades. Quando quis fazer o blog um tanto mais profissional, resolvi migrar para o WordPress. Isso envolve um pouco mais de dinheiro do que a gente imagina.

      Pra usar o wordpress que eu uso, com domínio personalizado e tudo, pago a hospedagem do meu site em uma empresa de hospedagem. Então, todo mês preciso pagar uma quantia de dinheiro para que meu blog continue no ar. No Blogger, não preciso pagar hospedagem pois esse serviço é gratuito, mas também tenho limitações, principalmente quando o assunto é layout.

      Enfim, eu curto muito os dois, mas sou apaixonada no WordPress. Como quis investir um dinheiro no meu cantinho, já acostumei a pagar pela hospedagem por conta do custo-benefício.

      Não tenho como te falar com qual começar, mas a dica é: pense se seu investimento no blog será necessário. É bem normal começar a blogar e depois desistir com o tempo.

      Beijo e espero ter ajudado!

      <3

      • Muito obrigada por me responder, ajudou sim. Irei começar pelo blogger, e quando achar que já está na hora de levar para o lado mais profissional, irei “transferir” para wordpress.

        Muito obrigada, mesmo ♥