26/08

Começar de novo

texto

Dos dons e possibilidades que o ser humano possui, sem dúvida nenhuma a que eu mais admiro é a habilidade de começar de novo. Sim, aquela mesma habilidade que você usou há alguns meses atrás – com a pessoa que dizia te amar mais que tudo – e que todos nós temos desde que nos entendemos por gente. Sabemos que o mundo é instável e que o bom hoje pode não ser o melhor amanhã, que as juras de amor na maioria das vezes não são eternas. Entendemos também que todo ciclo tem um final, mesmo que isso corte o coração da gente e afogue a nossa alma.

É incrível como tudo é automático pra lidar com tudo isso, temos o dom de começar de novo. Sim, é aquela mesma coragem com que você acorda de manhã depois de uma noite inundada de desesperanças.  Seja depois de um relacionamento amoroso, depois de uma experiência de trabalho, depois de uma frustração, ou até mesmo depois de uma mudança de cidade. É admirável como conseguimos levantar a cabeça e recomeçar tudo o que um dia imaginávamos que não aconteceria novamente com a gente; abandonar antigos conceitos, ideias, pessoas, rotina, e começar do zero.

Penso que a vida é isso um conjunto de recomeços, que o que difere cada um de nós é a maneira com que lidamos com os fins e com a velocidade que iniciamos tudo de novo, com cabeça erguida e fé de que vai SEMPRE dar tudo certo.

Sobre a autora:

Angélica Medeiros nas formalidades, ou simploriamente Géhh pros íntimos, 21 anos, goiana de alma e coração, estudante de Administração, apaixonada pela escrita e pelo desejo de transformar o que sinto em palavras e tentar entender um pouco da bagunça que se passa aqui dentro!

Jaqueline
Oi, eu sou a Jaqueline, mas pode me chamar de Jaque! Tenho 22 anos, sou formada em Administração de Empresas, apaixonada por livros e a louca da fotografia.Adoro dias frios, seriados (♥) e a combinação dos dois também. É aqui que compartilho meus sonhos, minhas alegrias e minhas incertezas. Esse é meu mundo na internet, espero que goste!
Quebrado
Você voltou
Essa tal saudade